Chez Lys Blanc é o melhor fondue em Canela
5 de agosto de 2019
Restaurante em Canela: Galangal te leva para Ásia
6 de agosto de 2019

7 motivos para se encantar por Nobres, no Mato Grosso

Nobres, no Mato Grosso, é um destino ainda pouco explorado por brasileiros, mas que definitivamente merece estar na sua wishlist de viagem.

A cidade reserva aquários naturais, cachoeiras, aventura e muito contato com a natureza.

Lá tem opções para todos os tipos de turistas, desde quem quer relaxar em uma flutuação no rio a quem deseja se aventurar em tirolesas, boia cross e passeio de quadriciclo. 

Não é à toa que Nobres vem ganhando destaque entre os destinos brasileiros: além de oferecer pontos turísticos paradisíacos, a região tem investido em infraestrutura para acolher turistas.

Portanto, se você está em busca de uma experiência em meio à natureza, onde poderá relaxar e curtir a paisagem (mas sem monotonia), é hora de conhecer melhor esse destino.

Neste guia, você vai encontrar as melhores dicas de Nobres  — uma das principais regiões turísticas de Mato Grosso.

Mas se você quer ver os hotéis em Nobres antes mesmo de começar a leitura, vem aqui!

Nobres, Mato Grosso: conheça o destino

Nobres é definitivamente um dos destinos mais procurados no Mato Grosso. 

E tem uma boa razão para isso: a região oferece um ecossistema aquático rico, onde é possível fazer flutuação, nadar em cachoeira e fazer atividades com aventura. 

A cidade fica localizada a cerca de 150 quilômetros da capital Cuiabá.

Lá ficam verdadeiros aquários naturais para relaxar, observar peixes coloridos e nadar em águas cristalinas. 

Se você vai viajar para Nobres, precisa conhecer a localidade de Bom Jardim  — um distrito da cidade.

É lá que estão os melhores pontos para curtir a natureza e as águas, pois há inúmeras nascentes de rio que dão origem aos famosos aquários. 

A região é uma alternativa semelhante a Bonito (MS), destino que já é bastante explorado por brasileiros  — só que Nobres ten menos gente nas atrações e preços mais amigáveis!

Nobres Mato Grosso
Cachoeira Serra Azul é um dos exemplos de paisagens paradisíacas de Nobres. Foto: Mariana Blauth

Nobres também agrada aos turistas aventureiros, pois oferece diferentes atividades de ecoturismo, como passeio de quadriciclo e boia cross, por exemplo. 

E se você busca uma viagem para se desconectar do mundo, tem mais um motivo para tirar férias em Nobres.

Na região, não há sinal de celular, exceto Wi-Fi nas pousadas.

Atualmente a infraestrutura da cidade é enxuta, mas funcional e organizada para receber turistas de qualquer país.

7 motivos para viajar para Nobres

Ainda precisa bater o martelo para organizar uma viagem a Nobres, no Mato Grosso?

A gente vai dar o empurrãozinho necessário para você priorizar esse destino!

Elencamos sete razões para optar por Nobres na sua próxima viagem. Preparado?

1. Flutuação em águas cristalinas

Já ouviu falar em flutuação, mas não sabe muito bem como é essa atividade?

É perfeita para relaxar, pois você entra no rio com alguns equipamentos (colete, sapato especial, óculos e snorkel) e percorre um trajeto em que é levado pela correnteza.

Durante o percurso, fica observando o fundo do rio, onde é possível conhecer várias espécies da fauna aquática mato-grossense  — uma experiência incrível!

Nobres Mato Grosso
Fazer flutuação é uma experiência para se conectar com a natureza. Foto: Mariana Blauth

Nós temos duas sugestões de lugares perfeitos para flutuação: Reino Encantado e Aquário Encantado.

Em ambos os casos, agende a visita antes de se deslocar até os locais, porque os passeios são liberados para pequenos grupos por vez.

Reino Encantado

Reino Encantado é um hotel fazenda no Bom Jardim que oferece flutuação por uma das principais nascentes do Rio Salobra.

O percurso dura cerca de 1h30 por águas cristalinas. 

Durante toda a flutuação, você observará uma rica vegetação, peixes coloridos e outras espécies de animais aquáticos. Se der sorte, pode ver até jacaré!

Nobres Mato Grosso
Aproveite para observar as centenas de peixes. Foto: Mariana Blauth

Todo o trajeto é acompanhado por guia local. 

Aquário Encantado

Outra dica é o Aquário Encantado, que fica na agência e pousada Rota das Águas

Nobres Mato Grosso
Aquário Encantado é parada obrigatória em Nobres. Foto: Mariana Blauth

A região também oferece flutuação no Rio Salobra, mas dessa vez saindo de uma cavidade natural de cerca de 6 metros de profundidade.

A flutuação segue por um trajeto de 900 metros, levando cerca de 2h.

O caminho das águas é em meio a uma mata fechada.

nobres mato grosso
Nobres é um verdadeiro espetáculo para os olhos! Foto: Mariana Blauth

Para chegar até a nascente do rio, você vai passar por uma pequena trilha com animais característicos da região, entre eles os macacos-prego, os quais dá para ver de pertinho. 

Nobres Mato Grosso
Os macacos-prego ficam pulando de galho em galho na trilha do Aquário Encantado. Foto: Mariana Blauth

2. Banho em uma cachoeira azulada

Não dá para visitar Nobres e deixar a Cachoeira Serra Azul de fora do roteiro. 

Localizada dentro do Parque Sesc Serra Azul, em Bom Jardim, essa cachoeira tem águas de coloração verde turquesa e é um dos principais cartões-postais de Nobres.

Nobres Mato Grosso
Cachoeira Serra Azul é um dos pontos turísticos mais bonitos do Mato Grosso. Foto: Mariana Blauth

A profundidade chega a 5 metros, mas você será equipado com colete e óculos para nadar com tranquilidade em meio aos peixes.

Além da questão de segurança, o ideal é que as pessoas não toquem o solo da cachoeira, pois lá a preservação do ecossistema é uma prioridade.  

Nobres Mato Grosso
Aproveite para tirar muitas fotos em paisagens lindíssimas. Foto: Mariana Blauth

Prepare o fôlego para chegar à cachoeira, pois o trajeto inclui 470 degraus!

Mas não se preocupe, pois dá para descansar no caminho e recuperar a energia.

A boa notícia é que dá para voltar sem passar pela escada e de um jeito bem aventureiro: fazendo uma tirolesa de 700 metros

Aproveitando a sua visita ao parque, também dá para realizar outras atividades: arvorismo, cicloturismo, almoço e observação da fauna e da flora, por exemplo.

3. Boia cross no Duto do Quebó

Está em busca de aventura e contato com a natureza?

O Duto do Quebó, no distrito Roda D’Água, não vai decepcionar. 

Lá é possível fazer boia cross por 1.800 metros na correnteza do rio e ainda passar por uma gruta escura onde há formações rochosas. 

turismo eNobres Mato Grosso Mato Grosso
Emoção e adrenalina esperam aventureiros no Duto do Quebó. Foto: Mariana Blauth

Além de ser um percurso com aventura, rende boas risadas e adrenalina.

Mas o ponto alto do passeio é, sem dúvidas, a caverna dos morcegos.

Sim, você vai entrar nessa caverna, onde há morcegos voando e fazendo um barulho alto  — afinal, eles vão estar agitados com a luz das lanternas dos visitantes! É impressionante. 

4. Passeio de quadriciclo

Se você ficou animado ao saber que Nobres é um destino para aventureiros, aqui vai mais uma razão para viajar: um passeio de quadriciclo por estrada de chão e mata fechada.

A atividade é oferecida pela Pousada Bom Jardim (onde ficamos hospedados durante a viagem). 

O percurso tem 13 km, e dirigir o quadriciclo requer treinamento, que você terá antes de iniciar a trilha, além de concentração. 

Nobres Mato Grosso
Foco e concentração são essenciais para dirigir o quadriciclo. Foto: Mariana Blauth

Nessa hora, é preciso vencer o medo e, se você não tiver experiência, dirigir com tranquilidade em uma baixa velocidade, sempre seguindo as orientações do guia local. 

5. Observação da Lagoa das Araras

Outro ponto turístico incrível de Nobres é a Lagoa das Araras.

Ela também fica na propriedade da Pousada Bom Jardim, e é possível fazer uma parada no local na metade do percurso de quadriciclo. 

Lá você vai ver uma paisagem exuberante: palmeiras mergulhadas na água que formam o cenário de um pântano!

Nobres Mato Grosso
Observar as araras é uma experiência única para os viajantes. Foto: Mariana Blauth

Nessas árvores, ficam os ninhos de diversas aves, com destaque para as araras.

É um santuário ecológico em que o silêncio só é interrompido pelo canto dos pássaros!

Dá para visitar o local no nascer do sol, quando as araras deixam os ninhos.

Mas o melhor período do dia é durante o pôr do sol, quando elas retornam, pois aí você terá uma excelente visibilidade das aves.

6. Trilha com observação do pôr do sol

Durante o nosso roteiro por Nobres, também fizemos uma trilha no Complexo Turístico Akaiá, localizado no distrito Coqueiral/Bom Jardim. 

É um complexo que funciona como agência de turismo, pousada, restaurante e local para atividades diversas na natureza.

O destaque vai para a Trilha do Megafone, que leva esse nome porque, durante o trajeto, há megafones de madeira gigantes que amplificam os sons da natureza.

Nobres Mato Grosso
É impressionante ouvir os sons da natureza de dentro da estrutura. Foto: Mariana Blauth

Não deixe de se sentar dentro do megafone e curtir a experiência!

Também aproveite para se inspirar nas mensagens inspiracionais, que estão dispostas ao longo de todo o percurso em plaquinhas, e de andar de balanço com vista para a paisagem.

Nobres Mato Grosso
Descansei durante a trilha neste balanço com vista. Foto: Mariana Blauth

A dica é começar a trilha um pouco antes do pôr do sol, pois lá tem um ponto específico com visão privilegiada. 

Não se esqueça de comprar voucher para o passeio em uma agência local ou a partir do site do complexo.

7. Restaurante típico do Chapolin

Gosta de explorar comidas típicas como parte da experiência de viagem?

A gente acredita que a gastronomia revela muito sobre a cultura de uma região!

Ao fazer um roteiro em Nobres, o Restaurante do Chapolin é uma parada obrigatória.

Esse estabelecimento é muito famoso na região.

Primeiro porque o dono se veste como Chapolin  — não sabemos o nome dele, pois sua opção é não revelar a identidade e ser chamado pelo icônico personagem.

Nobres Mato Grosso
Restaurante do Chapolin tem proposta inovadora e divertida. Foto: Mariana Blauth

O diferencial do restaurante (além da comida boa, é claro) é a sua proposta: não há garçons.

Portanto, os fregueses devem fazer o pagamento por conta, que é depositado em uma caixa de madeira. É preciso até mesmo pegar o próprio troco!

O restaurante fica em um galpão e é acolhedor, tanto pela comida caseira quanto pela receptividade do anfitrião, que se empenha para divertir a clientela.

Então, não deixe essa experiência de fora do seu roteiro!

Planeje sua viagem a Nobres, Mato Grosso

E aí, já está convencido a comprar passagens e embarcar rumo à cidade de Nobres, no Mato Grosso?

Prepare-se para uma jornada de aventura!

Nobres Mato Grosso
Prepare o fôlego e o coração de turista para as aventuras de Nobres. Foto: Mariana Blauth

Nesse caso, considere contratar uma agência local, pois a maioria dos passeios fica em propriedades privadas, onde é preciso agendar horário de visita e contar com voucher.

Considere também optar pelo serviço de van e guia para conhecer os destinos de Nobres, pois é preciso percorrer estradas de chão até chegar a eles (e é fácil se perder, ainda mais sem sinal de internet para conferir o Google Maps).

Este guia faz parte de uma série de conteúdos produzidos a partir de uma viagem ao Mato Grosso a convite do Programa Investe Turismo, do Ministério do Turismo, da Secretaria de Turismo do Estado de Mato Grosso e do Sebrae Mato Grosso.

Gostou dessas dicas ou ficou com alguma dúvida?

Deixe um comentário abaixo para trocarmos ideias sobre esse destino ainda pouco explorado!

Texto de Mariana Blauth, jornalista e content creator apaixonada por viajar.

Veja outros conteúdos sobre o Mato Grosso:

Hospedagens em Nobres: pousadas pra você ficar pertinho da natureza!

Turismo em Mato Grosso: guia e roteiro de 6 dias

O que fazer no Pantanal: passeios imperdíveis no roteiro

Chapada dos Guimarães: o que fazer e onde ficar

Comentários

comentários