Gramado Winter Season traz luxo à Serra Gaúcha
30 de julho de 2018
Gramado: Sabor e história na Dunamis Vinhos
8 de agosto de 2018

Há algum tempo, quando pensávamos em Croácia vinha à mente um cenário conturbado (às vezes por guerras e conflitos políticos). Hoje o país virou destino de verão e roteiro de turistas que querem aproveitar leste Europeu. Para o país entrar de vez no seu roteiro de férias,  separamos oito dicas sobre o que fazer na Croácia. Confira abaixo:

 

1. Conheça Dubrovnik

Dubrovnik é uma das cidades mais bonitas da Croácia e essencial para qualquer roteiro. Patrimônio da UNESCO, o local reúne os estilos medieval, renascentista e barroco com belas praias, cafés e restaurantes. Recentemente famosa por ter sido cenário da série Game of Thrones, Dubrovnik carrega o título de possuir uma das cidades medievais mais bonitas e bem conservadas do mundo.

A bela cidade murada de Dubrovnik

Lá, você não pode deixar de conhecer a fortaleza que cerca a cidade. São 2 km de extensão, e em alguns pontos ela tem mais de 25 metros! Nas muralhas, a entrada é paga e não é permitido nenhum transporte, então prepare-se para caminhar bastante. São paisagens deslumbrantes misturadas com a sensação de respirar história!

Para os amantes de antiguidades e cosméticos, a dica fica no Mosteiro Franciscano. Dentro do local, está a mais antiga farmácia da Europa, fundada em 1317. Os hidratantes são famosos por todo mundo.

Estilo gótico, medieval e renascentista se misturam por Dubrovnik

Mas se você quer relaxar curtindo a vista do Mar Adriático na cidade, a melhor opção é a praia de Banje. O lugar mescla o cenário antigo de pedras das muralhas a beach clubs, mar azul e paisagens lindas.

 

2. Ande de Teleférico em Dubrovnik

Falando em Dubrovnik, uma das coisas imperdíveis de se fazer é andar de teleférico. O Dubrovnik Cable Car foi fundado em 1969 e liga a cidade baixa (old town) ao Monte Sdr. O passeio é rápido, mas a vista é algo para se guardar na memória. Os preços e horários de funcionamento variam dependendo da temporada do ano, por isso fique de olho no site.

Dubrovnik Cable Car traz paisagens nas alturas

Chegando na parte de cima do monte, você encontra o famoso Restaurante Panorama, que possui vista panorâmica para toda a cidade. No monte, também se pode fazer trilhas, visitar um museu, comprar souvenirs ou apreciar a cidade com binóculos!

 

3. Passeie pelo palácio Diocleciano em Split

Split, assim como Dubrovnik, é o tipo de cidade que reúne história perto da costa do Mar Adriático. A segunda maior cidade da Croácia (só perdendo para Zagreb) é estratégica para quem busca os ferry boats que ligam o continente as ilhas. Se você estiver em Split, não pode deixar de conhecer o palácio Diocleciano.

O palácio de Diocleciano foi construído em 305 d.C.

Fundado em 305 d.C. pelo imperador romano Diocleciano, o espaço abriga um complexo de ruas, bares, restaurantes e lojinhas. No palácio, não deixe de subir ao campanário para admirar a vista da cidade. E, para aqueles que buscam aproveitar Split por mais tempo, é possível se hospedar dentro do palácio!

 

4. Caminhe no Calçadão de Split

Mas nem só de castelos e grandeza que Split vive, o seu litoral presenteia os turistas com belas paisagens e um calçadão reformulado. Ideal para uma caminhada após o almoço ou ao pôr-do-sol, a orla de Split abriga o Riva, um percurso cheio de palmeiras, flores e bancos para quem quer curtir uma tarde preguiçosa.

Calçadão de Riva contrasta com o azul do mar

Nos meses de pico do verão (julho e agosto) o calçadão fica super agitado e tem até shows ao vivo. Nossa dica é pedir um sorvete em algum dos barzinhos por lá, pela proximidade com a Itália, os sorvetes podem surpreender muito pelo sabor!

 

5. Visite os Lagos de Plitvice e Parque de Krka

Se você busca um passeio ligado à natureza, os parques de Lagos de Plitvice e o Krka National Park não podem ser esquecidos no seu roteiro!

Os lagos de Plitvice fazem parte de um parque nacional que conta com 16 lagos em mais de 300km². Os tons de azul e verde são predominantes no local e a visita pode ser feita através de passarelas que atravessam os lagos naturais. No parque você encontra a maior cachoeira da Croácia, a Great Waterfall. O preço de entrada no parque varia dependendo da época do ano.

O incrível Parque dos lagos de Plitvice

Menor que o Plitvice, o Zrka National Park também reúne diversos lagos naturais e sete cachoeiras que encantam os turistas. Apesar de Plitvice ser maior, o Krka tem a vantagem de ser aberto para banhos em suas piscinas naturais. O passeio por lá é muito mais refrescantes e rende ótimas fotos para seu Instagram.

 

6. Beba na rua boêmia de Zagreb

Zagreb virou capital da Croácia apenas em 1991, mas a cidade já tem cara de metrópole há tempos e não faltam programas para se fazer. Longe da parte litorânea do Mar Adriático, Zagreb ficou famosa pela sua animada vida noturna, festas e bares.

Zagreb tem centro boêmio para quem gosta de pubs e cafés.

A rua mais famosa da capital é a boemia Tkalciceva, onde se encontram centenas de opções de pubs, cafés e restaurantes. Durante o dia, aproveite para tomar um café e observar o movimento como os locais, já que noite promete a badalação para e diversas opções para experimentar a cultura dos barzinhos.

 

7. Procure museus no centro histórico de Zagreb

Mas não é só de festa e bares que Zagreb vive, os seu Centro Histórico preserva muita tradição e espaços para serem visitados. São mais de 20 museus, 10 teatros e 350 bibliotecas! Tudo isso torna a vida cultural da cidade imperdível para quem é visitante.

Um dos pontos turísticos que recomendamos é igreja de São Marcos. Com estilo gótico, a pequena construção abriga no telhado o xadrez característico da bandeira do brasão de armas da Croácia. Outra dica é procurar por museus sobre temas “estranhos”, quem sabe você não descobre mais sobre o surgimento da gravata?

 

8. Veja os monumento de Zadar

Se em seu roteiro você busca por mais tecnologia em combinação com a natureza, Zadar é perfeita para isso. Conhecida por seu belo pôr do sol, a cidade abriga monumentos que trabalham com grande elementos como a luz e o mar.

Monumento saudação ao Sol em Zadar

O Órgão do Mar é uma grande construção arquitetônica que cria melodia com o barulho das ondas da costa. Perto dele, você encontra a Saudação do Sol, painéis solares que depois de receber luz durante o dia se acendem a noite criando um enorme chão iluminado em uma festa de cores.

 

 

Mais dicas:

Alugue um carro para viajar pela Croácia. No país as distâncias entre pontos turístico e cidades são longas e nem sempre há transporte público nos horários que você precisa. A melhor dica é  alugar um carro e aproveitar a road trip pelo Adriático.

O idioma oficial do país é o croata, mas em locais turísticos e na capital se fala bastante em inglês. Os mais velhos podem ter alguma dificuldade, mas quase todos os jovens do país entendem o inglês bastante bem, o que ajuda em algum perrengue. Apesar disso o povo é simpático e muito solicito

A moeda do país é a Kuna e o câmbio para real geralmente fica em R$ 1,70.

Os meses de maior procura são julho e agosto, mas de junho a setembro você encontra tempo bom por lá para curtir as férias

 

 

 

 

 

 

Leia mais

Bélgica: 10 dicas sobre o que fazer no país

Comentários

comentários