Dica: roteiros turísticos em Milão
24 de julho de 2017
É preciso coragem para viajar sozinha (e deixar o bebê)
28 de julho de 2017

Técnicas de meditação reduzem a tensão de voar

Aplicativos de cias aéreas oferecem meditações guiadas

Vôos longos podem ser um motivo de desespero para viajantes com medo de avião. Ler, ouvir música, assistir a filmes e fazer palavras cruzadas são algumas formas de distração durante o tempo que passam no ar. Mas por que não meditar?

De acordo com um estudo realizado por Harvard, a meditação reduz a ansiedade e ainda pode diminuir o medo de voar. A partir disso, companhias aéreas como a Air France investiram em aplicativos que ajudam passageiros a meditar enquanto viajam.

No caso da Air France são duas sessões de meditação guiadas, uma para adultos, a “Mindfulness Day After Day” (plenitude mental dia após dia), e outra para crianças, baseada no livro “Sitting still like a frog”(sentado quieto como um sapo). Elas estão disponíveis em português, francês, inglês e espanhol.

Já a British Airways tem uma parceria com o aplicativo Headspace. No programa estão disponíveis nove tutoriais para os viajantes relaxarem durante os vôos, para diminuir o estresse entre as turbulências e também uma opção que ajuda na redução do jet leg. A companhia aérea Delta também investiu em um programa semelhante, chamado OMG – I Can Meditate.

A professora e pesquisadora de Harvard Dra. Sara Lazar afirma que uma vez que uma pessoa começa a meditar regularmente, a estrutura do cérebro costuma mudar. As áreas do cérebro que fazem você se sentir ansioso tendem a diminuir.

Segundo a Air France, em um voo-teste com o aplicativo, 90% dos viajantes se sentiram relaxados e 85% disseram que a experiência aumentou o conforto durante a viagem.

Técnica para relaxamento

Caso você esteja viajando e não tem um aplicativo para meditação guiada, separamos algumas técnicas e dicas orientadas pelo professor Cláudio Senna Venzke, CEO do programa de desenvolvimento de potenciais, O Despertar da Inteligência Espiritual.

O profissional explica que há uma diferença entre técnicas de relaxamento e meditação. O primeiro se refere a técnicas que levam ao estado de sonolência, já no segundo a mente se mantém consciente enquanto há um relaxamento do corpo.

Confira as dicas para meditar e relaxar no voo:

  • Respiração de 4 pontos

 

A forma mais tradicional de relaxamento para meditação é a respiração, de acordo com Senna. Para utilizar da técnica da respiração de 4 pontos, o viajante deve dilatar o abdômen enchendo o pulmão de ar, percebendo este movimento e concentrando na respiração. Em seguida, deve expirar lentamente, percebendo essa troca de movimento da respiração para expiração. A respiração profunda ajuda a acalmar o indivíduo.

  1. Aumento da circulação

Esse exercício é muito importante em vôos longos. Fique em pé no corredor quando o avião estabilizar, levante os calcanhares, fique na ponta dos pés e passe o peso de um pé para o outro, balance para um lado e para o outro. Sinta todo o seu corpo e as mudanças de movimento que ele está passando. Perceba a troca de peso de um pé para o outro, focando no movimento e as reações do seu corpo.

  1. Sons para relaxar

O som de instrumentos pode ser um aliado para entrar em estado de meditação e relaxamento. No youtube existem diversos vídeos com sons que reproduzem a natureza, que podem ser ótimos para essa técnica também. O segredo é fechar os olhos e perceber como o som age no corpo, respirando e sentindo o som.

  1. Meditação durante a alimentação

Outra boa dica para meditar dentro do voo é durante as refeições servidas pelas companhias aéreas. Durante a alimentação sinta o sabor do alimento, perceba o gosto, a textura, a temperatura e percorra com o alimento por toda a língua.

  1. Pegar no sono

“A técnica de escaneamento do corpo é ótima para relaxamento e ajudar o viajante a pegar no sono”, afirma Senna. É necessário que relaxe cada parte do corpo individualmente, primeiro passando pela cabeça e relaxando os olhos, couro cabeludo, testa, fechar os olhos sem pressionar, passar para a boca e assim cada parte do corpo. Aos poucos a sonolência virá.

Comentários

comentários