Como será o Espaço Influência do 30º FESTURIS Gramado
6 de novembro de 2018
Natal na Serra Gaúcha
20 de novembro de 2018

Luxo em Gramado: Hotel Colline de France relembra castelos franceses

Apesar de o GPS marcar a localização no bairro Dutra, em Gramado (RS), era difícil acreditar que não estávamos na França ao cruzarmos as portas do Hotel Colline de France.

Localizado em um rua estreita, pertinho do burburinho do centro, a mais nova hospedaria da cidade encanta logo na fachada:  um prédio em formato de castelo chama a atenção. Mas a grande surpresa está dentro da construção, que preserva uma decoração impecável que lembra os castelos franceses.

O hotel boutique é fruto de um sonho dos empresários Ana Clara Grings Tomazi e Jonas Tomazi. Com previsão de abertura para 15 de novembro, o hotel é decorado com inspiração no Segundo Império francês.

Na recepção, piso e teto tem detalhes dourados e se misturam com flores, aromas e, no dia que visitamos, a voz de Édith Piaf cantando “Non, Je ne Regrette Rien” como som ambiente.

Segundo Ana Clara Grings Tomazi, a ideia é proporcionar uma experiência francesa completa para o hóspede, desde as acomodações, recepção até a cozinha. Para isso, há pontos marcantes dessa experiência exclusiva.

A equipe de gastronomia está sendo treinada por Amanda Selbach, da famosa marca Holic. O aroma do hotel foi desenvolvido pelo Santho Aroma. O cheiro tem toques de lavanda, alecrim, menta, gerânio, almíscar e âmbar (e acompanha o visitante por todos os cantos do hotel).

No Colline de France há 34 acomodações divididas em 5 categorias diferentes, sendo elas Petit Colline, Colline, Grand Colline, Majestic e Imperial. Os quartos aumentam a metragem e o grau de luxo conforme cada categoria. Diferente das outras quatro categorias que são padronizadas, a suíte imperial conta com seis quartos com decorações distintas, proporcionando assim novas vivências para o hóspede.

De acordo com a proprietária, é possível ter até 10 experiências diferentes de hospedagem – tudo porque os quartos são diferentes e equipados com diferentes estilos de decoração.

O hotel é especializado em casais, logo os quartos carregam aura romântica em cada detalhe. O destaque das acomodações fica por conta do móveis e das banheiras (todas para duas pessoas).

A empresária Ana Clara Grings Tomazi ressalta que apesar de alguns móveis serem importados, a ideia era valorizar a produção brasileira e regional. Pelo hotel, encontramos cadeiras produzidas na Serra Gaúcha e as cabeceiras de todos os quartos foram esculpidas a mão no Paraná.

 

Gastronomia impecável e delicada

Visitamos o hotel no dia 9 de novembro, em um brunch preparado exclusivamente para jornalistas e influenciadores e organizado pelo TravelTerapia e RSbloggers.

O Bistrô Colline é mais uma parte do sonho que o hotel representa. Entre quadros e lustres clássicos, o sabor da culinária francesa se destaca durante o brunch no local.

Além do espumante rosé servido de entrada, havia opções que serão reproduzidas no café da manhã dos hóspedes: sucos, frutas, salgados e tortas cuidadosamente alinhadas e decoradas.

Para os fãs de doce, o ponto alto da experiência passa pela pâtisserie clássica. O hotel conta com a consultoria de Amanda Selbach, formada em Artes Culinárias pelo Instituto Paul Bocuse, de Lyon, e proprietária da Holic Patisserie, em Canela.

Durante o brunch exclusivo, além do cardápio de café da manhã, também foram servidos risoto de camarão com limão siciliano e penne com iscas de filé mignon ao molho de queijo gruyère. Um dos diferenciais também passa pela inclusão do cardápio do café da manhã que conta com opções sem glúten e sem lactose.

As hospedagens do hotel durante o período de soft open variam entre R$ 500  e R$ 1500. Para reservas e mais informações acesse o site do hotel www.collinedefrance.com.br.

 

Comentários

comentários